Todos Contra o Abuso
Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu
Decisivo
29/08/2018, às 09:54:00

Ana Paula Machado -
O MPMG interpôs recurso de apelação em face de decisão judicial que julgou improcedente a Ação Civil Pública (ACP) ajuizada pelo promotor Marcio Oliveira Pereira para proteger o imóvel que pertenceu à Dona Beja, abrigou dois colégios no início dos anos 1900 e ainda a Pensão Tormin por mais de 40 anos. Embora depredado, o prédio ainda pode ser restaurado em termos de fachada e caixote e também é patente a importância imaterial dessa edificação. Uma solução consensual seria a sua aquisição pelo poder público municipal da mesma forma que fez com o prédio do Museu Dona Beja - embora ela nunca tenha residido lá. Existe uma gama de opções para a utilização do imóvel, como transformá-lo no novo mercado municipal da cidade que ficaria no Centro Histórico, compondo um conjunto também formado pelos prédios desse largo que ainda sobrevivem. Sem consenso, a situação se arrasta na Justiça.
Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Comunicação e Tecnologia