Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu
Governo Zema completa seis meses com conquistas no enfrentamento da crise
01/07/2019, às 13:40:19

O governo teve início com rombo herdado de R$ 34,5 bilhões em restos a pagar. Isso significa que fornecedores e prestadores de serviços, por exemplo, ficaram sem receber. E, para este ano, o déficit no orçamento foi revisto para R$ 15,2 bilhões. Para equacionar essa conta e voltar a oferecer serviços de qualidade à população, a equipe do governo apresentará, em breve, um Plano de Recuperação Fiscal, que vem sendo elaborado nesses seis primeiros meses de gestão. Enquanto ele não fica pronto, o Estado tomou medidas ousadas para conter as despesas. Um dos mais importantes projetos foi o da Reforma Administrativa, que reestrutura o organograma público.

O projeto de lei foi sancionado pelo governador Romeu Zema em 30 de abril. Com a medida, o Governo de Minas dá mais um passo na tentativa de atenuar o severo déficit fiscal do Estado. As secretarias estaduais, por exemplo, serão reduzidas de 21 para 12, ou seja, um corte de 42%. Igualmente merece destaque o acordo firmado entre o Estado de Minas Gerais e a Associação Mineira de Municípios (AMM) para pagar uma dívida atrasada no valor de R$ 7 bilhões. Na geração de empregos, Minas é destaque. Nos cinco primeiros meses do ano, o Estado abriu 75.175 mil novos postos de trabalho com carteira assinada.

Vale destacar ainda que, graças aos esforços deste governo na busca por reequilibrar as contas públicas, até o próximo mês de julho, cerca de 67,4% do funcionalismo (ativos, aposentados e pensionistas) já terão recebido o valor integral do 13º que não foi pago em 2018. “Nestes seis primeiros meses, tenho orgulho de estar conseguindo colocar em prática ações para reduzir o rombo dos cofres estaduais. Estamos atraindo investimentos para Minas, conseguindo gerar empregos – em maio, fomos o estado brasileiro que mais abriu vagas formais, e estamos reduzindo despesas. Ainda estamos longe do que precisamos. Por isso, temos de aderir ao Plano de Recuperação Fiscal, fundamental na busca do equilíbrio das nossas contas”, avalia o governador Romeu Zema.

"Juntamente com toda a equipe da minha gestão, extremamente técnica e qualificada, vejo que estamos no caminho certo. Vamos, passo a passo, fazer Minas dar certo", afirma o governador.

Agência Minas
Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Comunicação e Tecnologia