Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
Correta postura
03/01/2020, às 09:56:17

Ana Paula Machado -
O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aprovou uma resolução que disciplina a conduta em redes sociais para juízes. A medida veda que juízes se manifestem sobre processos pendentes de julgamento e critiquem decisões de outros magistrados. Assim como proíbe que emitam opinião que demonstre atuação em atividade político-partidária.



Ou seja, os juízes não devem se comportar como formadores de opinião pública, ainda mais em municípios menores onde chegam a ser chamados de “autoridade máxima” e seguidos até “cegamente” devido a sua representação de poder no imaginário popular. A questão é que todos nós temos as próprias opiniões, mas há exercícios de isenção imprescindíveis para determinadas funções, como a de juiz.
Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia