Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
Caravana promove os Direitos Humanos com diversas ações gratuitas em Araxá
29/03/2017, às 08:55:00

Com apoio da Organização das Nações Unidas (ONU), uma caravana que percorre mais de 100 cidades brasileiras levando diversas ações de promoção dos Direitos Humanos está em Araxá nesta sexta-feira, 31, com muitas atividades gratuitas para a população. A ação conta com atendimentos de saúde, corte de cabelo e massagem, além de palestras sobre violência no trânsito, violência doméstica e exploração sexual de crianças nas estradas.

O projeto chamado Caravana Siga Bem acontece em postos de combustíveis e estabelecimentos à beira de estradas, com o propósito de levar saúde, lazer, educação e cultura a populações muitas vezes marginalizadas do acesso a esses serviços no dia a dia, como motoristas profissionais – em especial os caminhoneiros – e comunidades afastadas dos grandes centros urbanos. A parada na cidade acontece na Concessionária Prodoeste, das 12h às 21h desta sexta-feira, 31, situada à rodovia BR 262, KM 693,5, zona rural de Araxá.

Programação das atividades gratuitas - Entre as atividades oferecidas estão o atendimento de saúde, corte de cabelo, massagem, teatro e shows musicais. Aos motoristas haverá palestras sobre temas importantes no cotidiano das estradas, como violência no trânsito, exploração sexual de crianças e adolescentes e uso de entorpecentes. Devido ao grande número de homens nessa categoria, o projeto também conversará com este público sobre violência doméstica e a Lei Maria da Penha. Além de diversas atividades, o projeto conta ainda com um espetáculo teatral apoiado pela Organização das Nações Unidas (ONU) que através da comédia aborda de forma inédita os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e a Agenda 2030. Ao invés de artistas profissionais, a peça é encenada por caminhoneiros que sobem ao palco para dialogar com seus colegas de estrada sobre assuntos importantes para a cidadania, por meio da arte. O projeto que é a maior ação social itinerante da América Latina conta ainda com os patrocínios da Petrobras e da Mercedes-Benz.

Exames de Saúde - A natureza itinerante de trabalho a que a categoria é submetida faz com que os profissionais das estradas encontrem grande dificuldade em cuidar da saúde. De acordo com estudo da Confederação Nacional do Transporte (CNT), 55% dos motoristas não têm o hábito de passar por exames preventivos de saúde. Ao mesmo tempo, 24% utilizam ou já utilizaram medicamentos controlados e, destes, 58% para hipertensão. Cerca de 60% não praticam exercícios físicos. Por isso, a Caravana Siga Bem oferece em todos os seus eventos o Espaço da Saúde que conta com o apoio de profissionais especializados das secretarias da Saúde dos municípios visitados. Nele, os visitantes passam por testes de glicemia, pressão arterial, são vacinados e fazem exames rápidos de HIV e sífilis, além de outros serviços.

Violência nas estradas - A ação envolve ainda palestras de conscientização com o objetivo de promover a reflexão sobre temas importantes para quem vive a rotina das estradas. Uma delas é o Siga Bem Criança. A palestra conversa diretamente com os caminhoneiros que possuem um relevante papel de vigilante das rodovias, onde se concentra a maioria dos pontos de exploração sexual de crianças e adolescentes, sobre como levar as denúncias às autoridades por meio do Disque 100. De acordo com levantamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF), as estradas brasileiras concentram mais de 1,8 mil pontos de risco a ocorrências desse crime. Um importante parceiro é a Polícia Rodoviária Federal que acompanha a ação em todas as etapas com as palestras do Cinema Rodoviário. As estradas brasileiras dizimam dezenas de milhares de vidas todos os anos. Em 2015, foram 42 mil mortes e mais de 500 mil casos de invalidez permanente resultantes da violência do trânsito no país. Buscando contornar esse cenário por meio da educação, as palestras convidam os motoristas para um diálogo sobre direção segura e responsabilidade no trânsito, orientando também sobre leis do Código de Trânsito Brasileiro. O projeto ainda aborda outro tema de extrema importância para a categoria que é o uso de drogas estimulantes durante a jornada de trabalho.

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia