Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm_banner
980x150
Rede hoteleira de Araxá quer acesso às termas do Grande Hotel
10/05/2011, às 14:09:56

   A rede hoteleira de Araxá quer re-estabelecer o acesso às Termas do Grande Hotel, localizado na Estância Hidromineral do Barreiro. A reivindicação foi passada à Rede Tauá, que desde 2009 opera o Grande Hotel e as Termas, na tarde desta segunda-feira, 9, em um Fórum Comunitário realizado na Câmara Municipal de Araxá. O debate no plenário Rômulo Maneira, no palácio Nagib Férez, reuniu representantes dos vários segmentos que compõem o trade turístico da cidade.
   De acordo com o presidente do Conselho Municipal de Turismo (Contur), Eduardo Tannus, muitos turistas que vêm à Araxá estão voltando para a origem frustrados por não conseguirem se banhar nas Termas. “A ocupação hoteleira da cidade tem girado entre 80% e 100% em alguns feriados e esses hóspedes estão encontrando dificuldades. Nós só queremos a abertura das Termas. As Termas são da cidade”, diz.
   O debate foi promovido através de um requerimento da vereadora Lídia Maria de Oliveira Jordão Rocha da Cunha (PP). Na avaliação dela, é necessário melhorar a comunicação entre a Rede Tauá e os outros segmentos do trade turístico da cidade, já que grande parte dos atrativos turísticos está na Estância Hidromineral do Barreiro. Ela enumerou que lá estão as charretes, pedalinhos, cavalos, bicicletas, além das Termas. “O Barreiro é o carro chefe para a atração do turista para a nossa cidade e ele precisa estar de braços abertos para os turistas”, afirma.
   Todas as reivindicações foram recebidas pela gerente operacional do Tauá, Milla Santos Almeida, que se comprometeu a tentar solucioná-las. “A gente não tem intenção nenhuma em atrapalhar o trade turístico em funcionamento, ao contrário, a gente quer sim contribuir para o desenvolvimento. E esse debate é super importante para a gente saber onde estão as falhas”, ressalta.
   Já com relação ao funcionamento das Termas ela afirmou que as Termas estão sempre abertas ao público em geral independente de estarem ou não hospedados no Grande Hotel. “O que pode estar acontecendo é que como estamos tendo uma alta ocupação no Grande Hotel e mais de 80% desses hóspedes usam as Termas para banhos ou massagens, quando chegam outros interessados em usar não há vaga”, diz.

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia