Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm
banner_pma]  
“Trouxe muita alegria”: o encantamento das crianças com o projeto ‘A Música Semeando Conhecimentos’
05/08/2022, às 07:27:49
semeando_conhecimento
Contato com a música instrumental é realizado por meio de um workshow que vai percorrer 20 escolas de Araxá

Quando os alunos chegam a primeira reação é de surpresa. É que nos pátios, ginásios, salas e estacionamentos das escolas a sensação é de que um show está prestes a começar. O cenário muitas vezes tem uma Kombi no fundo, estrutura de som e luz. Quando todos se acomodam, começa a música e a conexão é imediata. Para a aniversariante Louise Victoria Botelho Galvão, de 9 anos, foi como um presente. “Eu achei muito legal porque trouxe muita alegria, a gente ficou muito feliz”, diz. A intervenção com quatro músicos é interativa o tempo todo. Os estudantes das escolas públicas conhecem em detalhes os instrumentos, aprendem sobre os tempos e são convidados a tocar objetos improvisados na hora. De pratos e garrafas PET com milho logo saem música e muitos sorrisos. “Eu gostei muito de tocar com eles. Esse momento me passou felicidade, tranquilidade e a gente aprendeu a importância da música para nossa cultura, para nossa história”, conta Richard Caio Silva Vasconcelos, de 12 anos.

Aos poucos, o momento de descontração e diversão vai virando rotina nos quatro cantos da cidade. O projeto conta com apresentações nos dois turnos e tem encantado crianças, adolescentes e educadores por onde passa. “É importantíssima essa ação. Hoje as crianças vivem na internet, no celular e aqui elas conseguem sair desse mundinho e ir para o mundo da cultura. Tenho certeza de que pela música eles têm a oportunidade de ler, escrever melhor.  É um projeto maravilhoso, não pode parar”, elogia Leda Maria Amorim, diretora da AABB Comunidade. Os músicos vão percorrer nesta etapa inicial 20 escolas da rede pública nas zonas urbana e rural de Araxá. A ação é realizada pelo grupo araxaense Tiago Martins Quarteto, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura e tem o patrocínio da CBMM.

Workshop
O projeto será encerrado com um workshop sobre consciência rítmica, aberto à comunidade. Os instrutores vão trabalhar temas como pulsação, ciclos rítmicos, contagens musicais, improvisação, prática de conjunto, escrita e composição, dentre outras habilidades. A atividade será realizada no dia 21 de agosto a partir de 10h no Parque do Cristo. A entrada é gratuita.



Histórias inspiradoras
O cenário é um quarto de hospital. De um lado, uma mãe inexperiente, apreensiva com a saúde da filha. Do outro, um bebê que acabara de fazer uma cirurgia nos olhos e pegou uma infecção na UTI. Entre elas, a música. “Foi através da música que Yasmin conheceu a mãe e a vida. Eu colocava música instrumental, cantava baixinho. Foi a forma que encontrei de me conectar com a minha filha e apresentar o mundo para ela”, diz a técnica de enfermagem Elbe Raquel de Castro Rosa Silva. Yasmin de Castro Rosa Silva nasceu sem as pálpebras. Com apenas três dias de vida, começava a luta em hospitais de Uberlândia e São Paulo para uma cirurgia de reconstrução. “Com sete dias ela passou pelo procedimento, mas ao fechar os olhos para lubrificar as córneas, ocorreu um ressecamento e os olhinhos foram perfurados. Havia só a opção de retirada dos olhos. A cirurgia aconteceu, mas ela acabou pegando uma infecção. Foram muitos dias de agonia, muita dor, mas também de muita esperança, fé e música”, relembra Elbe.

Foram muitas idas e vindas nos hospitais, mas elas: a mãe, a filha e a música; nunca se separaram. Com seis meses, Yasmin já tinha aulas de musicalização e logo deu sinais de uma conexão especial com os sons. “Com menos de um aninho ela tirava som da chupeta. Ela nunca chupou chupeta, usava só para tirar som e às vezes músicas infantis inteiras”, conta a mãe. Com três anos Yasmin ganhou seu primeiro violão e nunca mais deixou de estudar música. Hoje, aos treze anos, toca cajon, pandeiro, teclado, violão, viola e está convencendo a mãe a comprar uma sanfona. “Quando ela não está na escola, está tocando algum instrumento. É por meio da música que ela se encontra e enxerga o mundo”, diz Elbe.

Tiago Martins Quarteto
O grupo Tiago Martins Quarteto é uma referência quando o assunto é a música brasileira e o Jazz Fusion. Composto por Tiago Martins, Jack Will, Erasmo Valeriano e Leo Santana; reflete a força dos talentos individuais formando um conjunto que externa grande conhecimento técnico e dons incríveis já aplaudidos pelos quatro cantos do país.
 
Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia