Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm
prefeitura_araxa
Ex-funcionário é indiciado por furtar loja de conveniência junto com o cunhado 
15/09/2022, às 11:53:35
pcmg
A Polícia Civil (PC) de Araxá indiciou os investigados DRS, de 30 anos, e MSL, 24, por furto qualificado, abuso de confiança e concurso de pessoas. Ambos armaram para furtar cerca de R$ 6 mil da loja de conveniência de um posto de combustíveis em 16 de agosto passado. O delegado responsável pela investigação, Christiano de Rezende Dib, concluiu o inquérito sobre o crime com o indiciamento dos envolvidos nesta semana. 


Os investigados confessaram ter cometido o furto durante a coleta das declarações, após a operação para o cumprimento de três mandados de busca e apreensão por intermédio da 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Araxá deflagrada pelo delegado de Furtos e Roubos na quarta-feira, 14. O furto de R$ 6.079, 87 foi cometido pelo ex-funcionário da loja e o seu cunhado.



Os investigadores de polícia realizaram levantamentos e por meio de interrogatórios e análises de imagens apontaram que o caixa da loja em conluio com o seu cunhado retiraram os envelopes contendo as quantias em dinheiro que foram alojados em um saco de lixo. Posteriormente, o dinheiro foi retirado do saco e divido entre eles. Ao cumprir os mandados de busca e apreensão na residência do coautor, a PC localizou a blusa de frio utilizada no dia do crime. 

Então, ao confessarem a prática do crime, eles detalharam como foi o planejamento e as dissimulações utilizadas para a retirada da quantia do escritório da loja. A pena prevista para os crimes cometidos pelo ex-funcionário com o agravante de abuso de confiança pode ser de até 8 anos de reclusão.

 


emprol
cbmm


Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia