Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm_1
prefeitura_araxa
Concurso vai escolher o melhor queijo artesanal da região de Araxá
07/10/2022, às 10:12:07
queijo

O XII Concurso Regional de Queijo Minas Artesanal Araxá acontece nesta sexta-feira, 7, às 14h, na sede do Consórcio Intermunicipal Multifacetário do Planalto de Araxá (Cimpla) na praça Antônio Alves da Costa, 300, bairro São Pedro. Neste ano, estão inscritos 12 queijos representando Araxá, Campos Altos, Ibiá, Sacramento, Santa Juliana e Tapira. Esses municípios pertencem à microrregião produtora de Queijo Minas Artesanal de Araxá. O corpo de jurados é composto por cinco especialistas de Queijo Minas Artesanal, dentre eles, professores do Instituto Federal de Bambuí e do Instituto de Laticínios Cândido Tostes/Epamig, um gastrônomo e uma pessoa ligada ao serviço de compras de queijos de uma grande rede de supermercados em Minas Gerais. No concurso, serão escolhidos os cinco melhores queijos que estarão automaticamente classificados para disputar o Concurso Estadual do Queijo Minas Artesanal previsto para acontecer em Belo Horizonte no fim de novembro próximo.



“Os queijos são dispostos em mesas e identificados por números aleatórios, o que significa que os juízes não têm conhecimento sobre quem é o produtor. Daí, os jurados são livres para fazer suas avaliações de aspectos internos e externos de cada uma das peças”, explica a extensionista da Emater-MG, Sílvia de Lima Passos. Segundo ela, externamente são avaliados aspectos como apresentação (formato e acabamento) e cor (uniforme ou manchada). Após partir os queijos, são analisadas a textura (olhaduras e granulação), a consistência (dureza e untuosidade) e o paladar e olfato (sabor e aroma). 

Inovação tecnológica
Neste ano, concomitantemente à avaliação dos juízes em ambiente aberto para acompanhamento do público haverá a realização de três palestras técnicas para os produtores e demais participantes com duração de 30 minutos e que vão abordar temas como o processo de certificação de propriedade livre de brucelose e tuberculose, o cooperativismo e crédito rural e a inovação tecnológica e inteligência artificial no processo do Queijo Minas Artesanal. Além da classificação para o concurso estadual, os cinco produtores que obtiverem maior pontuação ao final recebem troféus e certificados. Este ano, com apoio da organização da Expoqueijo Araxá, o campeão ainda terá o acesso garantido ao concurso internacional. 


emprol
cbmm_1


Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia