Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm
banner_pma]  
Resultado do concurso público deve ser homologado até dia 13
02/04/2012, às 15:11:23

   Depois da realização do sorteio para o desempate de candidatos que deve ocorrer no início da próxima semana, será homologado o resultado do concurso público realizado pela Prefeitura de Araxá. O assessor municipal Jurídico, Jonathan Renaud de Oliveira, afirma que o resultado deve ser homologado até o próximo dia 13, sexta-feira da semana que vem. Segundo ele, os candidatos e a imprensa serão convocados para acompanhar o sorteio que definirá o resultado final, assim como o Ministério Público.
   “Com o sorteio, tendo uma planilha desempatada de candidatos, temos condições de homologar o resultado final no máximo no dia 13 de abril, após a Semana Santa. Divulgado, homologado o resultado, nós temos então a possibilidade de iniciar o processo de empossamento desses candidatos”, esclarece o assessor. Ele explica que o primeiro resultado do concurso foi divulgado no site da Fundação Renato Azeredo na semana passada e os candidatos tiveram dois dias úteis para recorrer, como por exemplo, questionar o somatório e lançamento de notas. Com a divulgação da classificação preliminar dos candidatos, agora será realizado o sorteio público para desempatar alguns casos, porque os critérios do edital não foram suficientes.
   “Nós tivemos três critérios previstos no edital, que é o desempate por idade para aqueles idosos, isso considerando o Estatuto do Idoso; o segundo critério que seria pela prova específica do cargo e o terceiro pela prova de português. Então, foi verificado que mesmo aplicando esses três critérios permaneceram muitos casos de empate, principalmente nas vagas que serão ocupadas pelos candidatos. Assim, foi debatida a inclusão de um novo critério e entendido que o mais democrático, mais justo, seria o sorteio”, esclarece Jonathan. Segundo ele, depois dessa avaliação a prefeitura discutiu a questão com o promotor Marcus Paulo Queiroz Macedo que concordou com o sorteio. “Ele entende como nós entendemos, que seria a melhor forma para desempatar e evitar qualquer discussão pelo candidato, porque é uma forma justa e aberta para que todo mundo possa acompanhar esse desempate”, ressalta.

Preenchimento das vagas
   Jonathan informa que a convocação dos concursados para ocuparem as vagas na prefeitura será feita gradativamente, sendo impossível convocar todos de imediato. “Se eu nomear todos imediatamente, existe o risco de uma descontinuidade do serviço prestado para a comunidade. Porque eu estaria retirando da administração pessoas que já estão treinadas para determinada função e trazendo pessoas que merecem ainda um treinamento para exercer a função”, afirma. Segundo ele, o treinamento do novo servidor concursado é iniciado assim que é convocado para o trabalho na administração municipal.
   “Não podemos parar ou atrasar serviços, que a comunidade precisa e que às vezes a pessoa não pode esperar. Para que isso não ocorra, nós vamos ter que fazer isso de forma gradual, ou seja, fazer as demissões dos contratados de forma gradativa e nomear os concursados de forma gradativa”, salienta. Ele acrescenta que pode ser utilizado o critério de vencimento de contrato, mas também a convocação dos concursados pode ser iniciada por setores. “De foram setorizada ou até avaliar a situação dos servidores que atualmente são contratados e que passaram no concurso ou que estariam vamos dizer transformando o vínculo jurídico dele com a prefeitura, mas seria no mesmo lugar dele. Existem essas situações diversas, isso é o que vai ser avaliado com o resultado final e uma contraposição dele com o nosso quadro de temporários. Assim, temos condição de verificar quais temporários que vão sair e quais concursados que vão entrar. Verificar qual que vai ser a nossa metodologia após esse resultado.”

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia