Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm_1
 
A rodada do Amadorão 2012
04/06/2012, às 09:12:14

 

Inter vence e lidera isolado o Amadorão

   Com gols de Ricardo e Robson o Internacional bateu o Guarani por 2 x 0 na AEF e é a única equipe com 100% de aproveitamento no Amadorão.

   O primeiro grande momento desta partida aconteceu com 37 segundos de jogo. Bola alçada na área e Wilker pegou de primeira para defesa de Xaneco. Pouco depois Douglas recebe na área, finta e bate para uma grande defesa de Xaneco. O Guarani teve uma boa oportunidade aos 287 min. quando Léo tocou para Robinho na área que dominou, mas bateu pra fora.

   Na segunda etapa o jogo ganhou maior movimentação de ambas as equipes e os gols aconteceram. Aos 4 min. Alex cobrou falta com força, a bola desviou na barreira, o goleiro Derson tocou com a ponta dos dedos e ela ainda bateu no travessão. Pouco depois, aos 7 min., Douglas recebeu lançamento, invadiu a área e acaba sendo derrubado. Pênalti. Na cobrança o capitão Ricardo teve que cobrar duas vezes para abrir o marcador. Isto porque na primeira cobrança houve invasão de área. 1 x 0 Internacional.O Guarani quase empatou aos 12 min. quando Wilker perdeu a bola para João Ricardo que invadiu a área e bateu forte para uma grande defesa do goleiro Derson.Aos 18 min. Fonseca fez grande jogada pela esquerda, invadiu a área e rolou para Douglas, livre de marcação, bater em cima do goleiro Xaneco que mandou a escanteio.A resposta do Guarani aos 20 minutos: um rápido contra-ataque e Careca lançou Robinho que invadiu a área e tocou na saída do goleiro Derson, mas a bola caprichosamente seguiu para a linha de fundo passando muito próximo a trave esquerda.

   Aos 35 min. Robson cobrou escanteio direto pro gol. Xaneco defendeu com soco e a bola subiu e quando desceu o goleiro se enrolou com o zagueiro Alex e a bola acabou indo morrer na rede: 2 x 0 com gol sendo assinalado para Robson. Com mais esta vitória o Internacional segue com 100% de aproveitamento e lidera de forma isolada o amadorão. Na próxima rodada a equipe enfrenta o Cit no Dona Adélia às 10h30min horas. Já o Guarani tentará sua primeira vitória enfrentando o Palmeri no Mangabeiras.

   O Guarani entrou em campo com: Xaneco, Léo (Alexsander), Alex, Catiano, Eduardinho (Preto), Carlinhos, João Ricardo (Tiãosinho), Alexandre, Robinho (João Paulo), Ezequiel e Careca (Rafael). Treinador: Marcio Le Blanc

   O Internacional jogou com: Derson, Wilker (Aguinaldo Marreco), Fred Bundinha, Jonathan (Bim), Diogo (Kiko), Ricardo, Jean, Robson, Flávio (Fonseca), Douglas e Vitinho (Cleone). Treinador: Ademir.

   O árbitro do jogo foi: Marcilio Adriano auxiliado por Paulo Cesar Viriato e João Mariano de Andrade. A representante da LAD foi Neide Goulart.



Empate castiga Ipiranga frente ao Vila Nova
   Em uma partida em que a equipe do treinador Cristiano Macaquinho dominou e comandou, o empate acabou sendo um excelente resultado para o Vila Nova.

   Melhor em campo o Ipiranga criou diversas oportunidades de abrir o marcador. Aos 11 minutos, na pressão, Aloanos cabeceou com muito perigo para uma boa defesa do goleiro Ricardo.Aos 34 min. Kinkas cobrou escanteio e o zagueiro Juninho cabeceou levando novamente muito perigo, mas a bola seguiu pra fora. No finalzinho do primeiro tempo Aloanos recebeu na esquerda, fintou a marcação e bateu, mesmo sem ter um bom ângulo, pro gol onde Ricardo defendeu novamente.

   Na segunda etapa o Ipiranga permanecia melhor em campo, mas o Vila Nova aos poucos chegava ao ataque. Como em um lance aos 5 min. em que Thiago Piriá cobra falta, Matheus desvia de cabeça e o goleiro Rony, mesmo de forma desajeitada, conseguiu defender. Aos 21 min. Thiago Piriá perde a bola para Somália que partiu para o ataque em passadas largas, invadiu a área e bateu forte no meio do gol para fazer 1 x 0 Ipiranga. O Vila tratou de ir pro ataque em busca do empate e proporcionava ao Ipiranga alguns contra-ataques perigosos. Mas aos 37 min. Ronaldo cobrou falta muito bem e empatou a partida: 1 x 1. O Ipiranga ainda teve uma grande chance de voltar a ficar a frente do marcador aos 45 min. quando Somália fez boa jogada pela esquerda e tocou pra trás na área onde Robert Tatsu chegou batendo pra fora. Ao final da partida o empate pode ser comemorado pelo Vila Nova e muito lamentado pelo Ipiranga tamanho do domínio da equipe na partida.

   Na próxima rodada o Ipiranga terá pela frente o Operário no campo da AEF às 9 horas. Já o Vila Nova enfrenta o Ferroviário o Dona Adélia às 08h30min horas.

   O Ipiranga jogou com: Rony, Cristiano (Willian), Carlão, Juninho, Everton Negão, Gustavo, Wilton Gaega (Renailton), Kinkas (Dinho), Robert Tatsu, Aloanos e Somália. Treinador: Cristiano Macaquinho.

   O Vila Nova entrou em campo com: Ricardo, Saulo (Jabazinho), Paulo, Breno, Thiago Piriá, Eder, Coney (Matheus Lucas), Ronaldo, Matheus, Digão e Nicollas. Treinador: Nélio Reis.

   O árbitro do jogo foi: João Mariano Bozó auxiliado por Marcilio Adriano e Paulo Cesar Viriato. A representante da LAD foi Neide Goulart.



Cit empata novamente por 2 x 2. Desta vez com o Gef

   Em uma partida muito movimentada no Campo do Santa, com duas torcidas que apóiam o tempo todo, Cit e Gef empataram e seguem invictos na competição. Bom para o Gef que segue na zona de classificação.

   O Cit abriu o marcador com gol de Romarinho logo no inicio da partida. O Gef buscou o empate no segundo tempo com gol de Arthur aos 22 minutos e Amaralzinho aos 35 minutos.O Cit buscou o empate com novo gol de Romarinho no ultimo minuto da partida.

   O Cit jogou com: Maisena, Jean Carlos, Ciél, Anselmo, Bruninho (Juninho), Adriano, Paulo Henrique, Eraldo, Daniel, Romarinho e Bruno Melecão. Treinador: Prof. Fernandinho.

   O Gef entrou em campo com: Robert, Ítalo (Amaralzinho), Douglas, Emerson, Diego (Dudu), Renê, Timim, Bruno César, Arthur, Malaia e Belchiorzinho. Treinador Claudio Macedo.

   O árbitro do jogo foi: Nivaldo de Souza auxiliado por Pedro Caetano e Vicente dos Reis. A representante da LAD foi Eliane Martins.



Tropeço: Dínamo fica no empate com Santa por 2 x 2

   Expulsões e confusão marcaram esta partida em que o Santa Terezinha buscou um empate frente à forte equipe do Dínamo e segurou o resultado até o final, mesmo jogando com 2 expulsos e entre eles o goleiro Fabinho.

   O Dínamo abriu o marcador aos 25 minutos do primeiro tempo com Lucas Ribite cobrando falta: 1 x 0 Dínamo. O Santa Terezinha chegou ao empate aos 41 minutos com Cidão cobrando penalidade. Mas ainda no primeiro tempo o Dínamo voltou a ficar a frente do marcador, pois aos 47 minutos Zé Mario recolocou o Dínamo a frente do marcador: 2 x 1.

   Na segunda etapa o Santa Terezinha voltou a empatar aos 15 minutos com Wesley. Após o empate a confusão e o nervosismo tomaram conta da partida. O goleiro Fabinho foi expulso após reclamação excessiva com o assistente. O jogador ainda tentou tirar satisfação com o árbitro, mas foi contido por seus companheiros. E o Santa, que jogou metade do segundo tempo com um jogador a menos ainda teve a expulsão de Talisson no fim ficando com 9 em campo. Pelo lado do Dínamo a pressão e ansiedade em marcar o gol da vitória, já que jogava com 2 a mais, enervaram os ânimos da equipe e o meia Lucas Ribite acabou sendo expulso também. Com isto a equipe acabou não conseguindo vencer a marcação alvinegra que se fechou para garantir o seu primeiro ponto na competição e deixar a zona do rebaixamento.

   O Dínamo jogou com: Ednei, Dunguinha, Zé Mario, Dedé, Kelvin, Caio Xaropinho, Vertinho (Goiaba), Lineker, Lucas Ribite (expulso), Dieguinho e Anderson (Kaniggia) Treinador Fernando Bobobó

   O Santa Terezinha entrou em campo com: Fabinho (expulso), Paulinho, Cidão, Tiago Buruta, Watson, Baiano (Jean Carlos) (Murilo), Wesley, Alder (Luciano) (Eduardo), Leandro Peres (Binga), Tallison (Expulso)  e Ricardinho. Treinador: Zé Carlos.

   O árbitro do jogo foi: Amilton Cesar auxiliado por Moacir Araujo e Sebastião Prosolino. A representante da LAD foi Camila.



Tigrão se recupera e vence Caiçara por 2 x 0

   No confronto do treinador Edvaldo Pelanca contra a sua ex-equipe, o treinador levou a melhor com os dois gols marcados pelo atacante Gordim. Pior para o Caiçara que entrou na zona de rebaixamento.

   A partida foi disputada no campo das Mangabeiras e o Tigrão, que em breve deverá contar com o reforço de Cafu, venceu por 2 x 0 com os dois gols marcados pelo artilheiro Gordim. Além de Cafu o Tigrão negocia ainda com Dedé e Indinho.

   Na próxima rodada o Tigrão enfrenta o Santa Terezinha no Mangabeiras às 10h30min horas. Já o Caiçara tentará se recuperar frente ao Ferrocarril no Ernest Duílio Stefani às 08h30min horas.

   O Tigrão jogou com: Arlem, Igor Goiaba (Vaninho), Fagner, Raul, Douglas, Wilton Sargento, Gerson, Allan (Serginho), Caio (Gilmar), Gilson (Adam) e Gordinho (Val). Treinador Edivaldo Pelanca.

   O Caiçara entrou em campo com: César, Luizinho (Cairo), Helio, Amarildo (Leléco), William (Giovani), Fabrício, Cassinho, Fabinho (Galego), Walton (Geléia), Thiaguinho e Flavinho. Treinador Marcilio.

   O árbitro do jogo foi: Murilo Gonçalves auxiliado por Carlos Eduardo e Carlos Roberto. A representante da LAD foi Helena Correia.



Estância se recupera e vence Palmeri por 3 x 1

   Jogando em casa novamente o Estância conquista sua primeira vitória diante de seus torcedores. Um bom público acompanhou o resultado de 3 x 1 sobre o Palmeri que agora ocupa a lanterna da competição.

   Juninho Getho abriu o marcador para o Estância. Marcio Macaco ampliou para 2 x 0 e Alex Marlon fez o terceiro do alvinegro.O Palmeri descontou com o artilheiro Preto e o placar ficou em 3 x 1 para o Estância.


   Com o resultado o Estância se recupera da derrota na primeira rodada e o Palmeri, que teve a estréia do treinador Tibiriçá, passa a ocupar a lanterna da competição.

   O Estância entrou em campo com: Luiz Fernando, Bodinho (Renato), Jederson (Cutu), Wesley, David, Renato Augusto, Marcio Macaco, Juninho Getho (Tchô), Maicon (Pisquila), Alex Marlon (Alair) e Robinho. Treinador Melete.

   O Palmeri jogou com: Branco, Valdo, Zé da Vale, Dinei e Dioninho (Natal), Corrêa (Léozinho), Germano (Wilson), Chicandu, Santinho (Caique), Preto e Dalminho. Treinador: Tibiriçá.

   O árbitro do jogo foi Vanderlei Medina auxiliado por Sérgio Mauricio e Moacir Filho. A representante da LAD foi Abigail.



Em boa campanha Operário arranca empate com Grei

   Depois de uma excelente estréia contra o Ferroviário na vitória por 5 x 2, o Operário mostra força e busca empate com o Grei jogando no Vicente Lobo.

   A equipe do Grei chegou a estar duas vezes à frente do marcador, mas o Operário não se intimidou buscando o empate. Rafael Vinhal fez 1 x 0 para o Grei. Douglas empatou para o Operário. Anísio Filho marcou o segundo gol do Grei e Cleiton empatou mais uma vez para o Operário. Com o resultado ambas as equipes seguem na zona de classificação.

   O Grei jogou com: Fabinho, Paulo André, Alex, Cassiano, Miquimba, Hermano, Rafael Vinhal, Netinho, Marcelinho Paraná, Anísio Filho e Bebeto. Treinador Wellington Bem Bão.

   O Operário entrou em campo com: Guilherme, Clayton, Dione (Jardel), Gilmar, Mamão, Bruno, Wanderson, Jaque (Eliézer), Givago, Ademilson e Cinquentinha (Douglas). Treinador Zezé.  

   O árbitro do jogo foi Gilberto Morais auxiliado por Sebastião Aparecido e Nilson Rodrigues. A representante da LAD foi Tatiana do Carmo.



Ferroviário sofre nova derrota: 1 x 0 para o Ferrocarril

   Jogando em casa, no Dona Adélia, depois de estrear sendo goleado pelo Operário, o Ferroviário não consegue vencer a defesa do “Cachorrão” e acabou derrotado novamente. O gol do Ferrocarril marcado por Lorran.

   A partida muito disputada mostrou um Ferrocarril que sabe se defender e suportou a pressão do Ferroviário que buscou o gol de empate até o final.Lorran marcou o único gol da equipe que valeu a primeira vitória e a permanência na zona de classificação.

   Na próxima rodada o Ferrocarril jogará pela primeira vez no Ernest Duílio Stefani quando enfrenta o Caiçara às 08h30min horas. Já o Ferroviário entrará em campo frente ao Vila Nova no Dona Adélia às 08h30min horas no clássico tricolor do Santo Antônio.

   O Ferroviário entrou em campo com: Caio, Raniel, Rafael Negão, Paulo Henrique, Marcos José (Ricardinho), Madruga (Matheus), André (Tinga), Cadu, Teteu (Neguinho), Fred e Coquinho. Treinador Leandro.

   O Ferrocarril jogou com: Tiago, Alex, Alexsandro, Índio, Adelço (Fernando), Merrinho (Heli) (Serginho), Leandro, Lequim, Lorran, Marquinhos (Felipe) e Bruno Zóio (Marlinho). Treinador Evaldo Juvenal.

   O árbitro do jogo foi Odair José auxiliado por Anésio Rubens e Gilson Olegário. A representante da LAD foi Priscila Goulart.

 

 



Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia