Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm (1)
banner_pma
PV/PRB/PPS coligam na proporcional e apoiam a chapa majoritária Aracely e Lídia
28/06/2012, às 10:18:18

 

   O PV foi o primeiro dos partidos de Arxá a realizar a sua convenção partidária na quarta-feira, 27, a partir das 19h, no Museu Legislativo. O presidente Aires Dumont de Paiva Borges informa sobre a decisão de formação da coligação proporcional com o PRB e o PPS, além do apoio à chapa majoritária que deverá ter Aracely de Paula (PR) como candidato a prefeito e, Lídia Jordão (PP), como vice-prefeita.  

   “Nós víamos fazendo esse trabalho há uns seis meses e, o PV vem com o PRB e PPS, junto na chamada Coligação Verde. É um partido novo, que não tem nenhum vereador ainda. Estamos montando uma chapa com pessoal que é do povo e com projetos bem ambiciosos para Araxá”, afirma Aires. Segundo ele, essa coligação já resolveu apoiar a candidatura de Aacely.  “Ele vestiu a bandeira da saúde. Eu acho que é o que mais precisa em Araxá hoje, saúde e educação. E vamos fazer um trabalho na cidade direcionado para isso”, afirma.

   Mesmo faltando a realização das convenções partidárias dos demais partidos aliados, Aires acredita que está praticamente definida a candidatura de Lídia como vice-prefeita. “Nós já conversamos isso com o Roberto (vereador Carlos Roberto Rosa/PP), porque se a Edna está lá do lado do Jeová (provável candidato à reeleição pelo PDT), nós temos que colocar uma mulher do lado de cá também, para fazer um balanço melhor disso aí tudo. Eu acredito que está praticamente definido”, afirma.

   Ele acredita que a campanha desse ano tem muito “a cara do PV”, porque três sugestões básicas e importantes para a cidade vão diferenciá-la das demais. “Primeiro, não vai poder pintar muro mais e esta é uma característica do PV a nível mundial. Segundo, os cavaletes foram proibidos também de serem colocados porque atrapalham o visual, a visão dos motoristas, o pedestre andar nas ruas. E terceiro, é a poluição sonora, conseguimos restringir o horário de propaganda nos carros de som até as 18h. É um respeito com a população, com a cidade, um trabalho muito importante do PV que está mostrando a sua direção”, afirma.  

   O presidente do PV espera que a coligação conquiste pelo menos duas cadeiras na Câmara Municipal. “Eu acho que se nós fizermos uma campanha direitinho, vamos fazer duas cadeiras nessa coligação, é o objetivo nosso, vestir a camisa do PV e mostrar a sua bandeira. Nós estamos trazendo gente da área da imprensa, que é o Luciano, da educação que é o Chiquinho, então, estamos trazendo gente de cara nova, mas que tem muito pra mostrar pra cidade. Só do PV, estamos com cinco candidatos certos a vereador, mais os que vieram hoje e podem ser candidatar também, sendo quatro homens e uma mulher”, afirma. Ele acrescenta que cada coligação pode ter até trinta candidatos, portanto, cada um dos três partidos pode ter até dez candidaturas.  

Coligação Verde
   O presidente do PRB, Hely Aires, explica que no ano passado o partido realizou uma reunião com pessoas que participaram no último pleito como candidatos a vereador e tiveram uma votação efetiva, mas não conseguiram alcançar a cadeira. “Nós criamos um projeto chamado Cadeira Garantida, apresentando números e nomes para compor esse projeto. E graças a Deus, hoje o PV dá início a uma grande caminhada nessa coligação proporcional”, afirma.

   Hely diz que a coligação lançará os trinta nomes na chapa proporcional que são permitidos por lei, sendo 21 homens e nove mulheres. “Estamos com a expectativa muito boa, porque são nomes que estão compondo uma chapa com chances reais, principalmente agora com cinco novas cadeiras na Câmara e alguns vereadores que vão concorrer como candidatos a vice nas majoritárias. Devemos fazer duas cadeiras e, quiçá, com a sobra mais uma”, afirma.

   Segundo ele, a chapa majoritária está sendo conduzida pelo próprio Aracely de Paula, o deputado estadual Bosco (PTdoB) e o vice-presidente da Codemig, Antônio Leonardo Lemos Oliveira (PP). “Mas, eu posso dizer que há uma conversa preliminar com doze partidos e que dará um tempo razoável de TV para mostrar um plano de governo que possa ser entendido por toda a população”, afirma.  

   O presidente do PPS, Márcio Donizete Fontes, informa que o partido também apoia a chapa majoritária encabeçada por Aracely. “E na chapa proporcional, estamos acabando de fechar um grupo bom de pessoas, escolhemos bastante e estamos tentando fazer o máximo de cadeiras possível”, diz.

 



Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia