Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm
banner_pma]  
Secretário abre Projovem em Araxá
03/07/2012, às 08:05:04

 

   O secretário de estado do Trabalho e Emprego Hélio Rabelo, esteve em Araxá na sexta-feira, 29, quando juntamente como o prefeito municipal Jeová Moreira da Costa, e a Secretária Municipal de Desenvolvimento Econômico Turismo e Parcerias, Alda Sandra Barbosa Marques, realizaram às 8h, no ginásio Dino Baroni, a cerimônia de abertura do Programa Projovem Trabalhador – Juventude Cidadã. A cerimônia contou com as presenças do professor Antonio Mauro Alves, diretor-presidente da EcoFran; do capitão da Polícia Militar, Fernando Pires; da secretária municipal de Educação, Maria Célia, do representante da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração, Leonardo Machado e de praticamente todos os mil alunos do projeto.

   O Projovem Trabalhador é um programa do Governo Federal que tem como objetivo capacitar jovens desempregados para o mercado de trabalho, com idade entre 18 e 29 anos e com renda familiar per capta de até um salário mínimo. Em Araxá estão sendo oferecidos 15 cursos gratuitos, que totalizam mil vagas. As aulas começam nesta quarta-feira, 4, e terão duração de 350 horas a serem ministradas no período de julho a dezembro.

   Durante a solenidade o prefeito Jeová Moreira da Costa, se dirigiu aos presentes e em especial aos alunos lembrando que “o ensinamento que me tem guiado até hoje foi ministrado pela sabedoria do amor de uma mãe. Aos meus sete anos, ali numa conversa despreocupada, ela me disse uma frase que jamais eu esqueço: ‘Jeová, a vida é maravilhosa. Não tenha medo do caminho, tenha medo de não estar caminhando’. Por isso, desde 2008, quando em campanha, as pessoas falavam que seus filhos não conseguiam empregos, porque não tinham formação, nem experiência. Foi com essa preocupação que procurei o então ministro do trabalho, Carlos Lupi, solicitando a instalação do programa em Araxá”, explicou o prefeito.

   O secretário estadual de Trabalho e Emprego, Helio Rabelo, disse em entrevista que “pra nós este momento é de suma importância. A prefeitura de Araxá está seguindo o propósito do governador Anastasia. Queremos gerar emprego de qualidade principalmente para os jovens. Queremos ser referência nacional em melhores empregos e melhores oportunidades para os jovens, principalmente agora que as empresas estão tendo muita oferta e falta gente qualificada. Eu queria parabenizar aqui, realmente é um esforço enorme. Para todo o estado de Minas Gerais, nós conseguimos 15 mil vagas para vinte milhões de habitantes, e aqui em Araxá o prefeito conseguiu mil vagas para 90 mil habitantes”, elogiou o secretário. Hélio Rabelo disse também que “garantindo emprego, estamos ajudando a evitar que os jovens entrem no mundo das drogas e até mesmo do crime”, concluiu o secretário.

   A secretária de Desenvolvimento Econômico Turismo e Parcerias, Alda Sandra disse que a expectativa com o Projovem “é muito grande porque nós teremos oportunidade de estar capacitando mil jovens, entre 18 e 29 anos. Então isso é muito importante para o mercado de trabalho, hoje tão competitivo, buscando pessoas com qualificação profissional. Então é um ganho muito grande para Araxá, e eu acho que os jovens têm que agarrar essa oportunidade para que eles ingressem no mercado de trabalho mais qualificados, mesmo para aquele segmento que ele escolher, orienta a secretária.

   Para Alda Sandra os elogios do secretário Hélio Rabelo a deixaram muito feliz, “porque a gente tem oportunidade de estar ocupando um cargo por algum tempo, e é gratificante quando você vê que o seu trabalho está sendo mostrado, que seu trabalho está sendo reconhecido. Isso é gratificante porque a gente está fazendo uma coisa pra cidade. E é esse o nosso papel dentro da prefeitura de Araxá”, declara Alda Sandra.

   O diretor presidente da Ecofran, instituição executora do Projovem em Araxá, professor Antonio Mauro Alves, explicou como foram definidos os cursos ofertados na cidade. Segundo ele, “primeiro faz-se uma análise na cidade, com seis meses antes de apresentar aos jovens as opções de cursos, através de pesquisas junto ao CDL, às associações que são os empregadores, associação do comércio e indústria, as grandes empresas, as mineradoras. Haja vista que nós buscamos 150 vagas para metal mecânica para atender quem, os soldador, o caldeireiro, são funções que as mineradoras, que as empresas de grande porte precisam”, explicou Antonio Mauro. O professor esclareceu ainda que “nós estamos com um modelo de gestão de forma que, nas últimas 100 horas, nos últimos 20 dias letivos do curso, depois que esse jovem já estiver preparado emocionalmente, já tiver a sua autoestima resgatada  e ele vai pra essa empresa fazer um estágio”, disse o professor.

   Antonio Mauro descreveu também os principais desafios do trabalho dos executores do Projovem na cidade. De acordo com ele, o primeiro desafio é fazer o jovem acreditar que ele pode. O segundo desafio é uma qualificação de fato com qualidade, séria, honesta. O terceiro desafio é nós termos essas empresas abertas. O professor lembra que “o empresário neste terceiro momento é a resposta do sucesso ou fracasso desse projeto. Porque não adianta nós termos o jovem ávido pelo emprego, nós precisamos ter a empresa aberta para recebê-lo como estagiário, sem custo nenhum sem compromisso empregatício, porque ele já tem esse respaldo. Com isso nós vamos colocar 50% desses jovens no mercado de trabalho no início de 2013”, finaliza Antonio Mauro.

 




Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia