Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
Uma entrevista com Jane Porfírio
09/07/2012, às 08:40:42

 

   Estivemos na inauguração da Academia de Tênis Jane Porfírio Magriotis, que aconteceu na última sexta-feira, 29 e foi um evento muito bonito e emocionante, onde tivemos a oportunidade de conhecer esta belíssima academia, e também de conhecer um pouco mais da história desta super-atleta que ficou muito emocionada com a presença de familiares e amigos. Principalmente no momento em que a quadra foi inaugurada de forma oficial. Aproveitamos também para conversarmos um pouquinho com Jane sobre sua vida no esporte e sua expectativa com relação ao triathlon, agora juntamente com sua academia de tênis.

   Wilton Borges: Hoje conversamos com a super-atleta araxaense, que sempre representa muito bem o nome de Araxá a nível nacional e também mundial, Jane Porfírio. Jane, hoje é um dia de muita alegria e de muita emoção com a inauguração de sua tão sonhada academia.

   Jane Porfírio: Hoje é um dia impar em minha vida, porque realmente eu pude concretizar este sonho de ter a minha quadra de tênis e que, se Deus quiser, não vai ser somente para meu uso, como eu falei, não vai ser só bem vinda para mim, mas a minha intenção é que ela seja bem vinda para toda a cidade ai, para que todos possam usufruir e vai ser a maneira que eu vou poder esparramar o esporte para todos.

   A Jane Porfírio muito conhecida no triathlon, mas iniciou a carreira como desportista no tênis?

   Iniciei no tênis. Fiquei 15 anos jogando tênis e tive muitas conquistas no tênis e depois por falta de patrocínio e mudanças de algumas coisas, eu fui para o Mountain Bike e hoje eu estou no triathlon. Mas em cada esporte que eu pratiquei, graças a Deus, eu sempre fui a primeira na minha idade. No tênis na época, no mountain bike e hoje no triathlon, na minha idade.  E isto me deixa muito feliz e realizada.

  Quando foi a sua primeira competição no tênis?

   Em 1980, quando eu tinha 15 anos de idade, eu ganhei o primeiro torneio de tênis aqui em Araxá. Foi o primeiro campeonato de minha vida.

   E como surgiu o sonho de criar esta academia?

   Este sonho é meu desde os 15 anos, mas naquela época eu tinha vontade de ter uma quadra para uso próprio mesmo. Queria treinar, morar dentro dela porque eu adorava demais. Mas hoje, agora que conseguir conquistá-la, já mudei meus objetivos. Acho que a vida nos faz mudar muito os pensamentos e hoje a minha intenção mesmo é por todo mundo para jogar tênis. Adultos, crianças, idosos, muitas pessoas me procuraram aqui e então é isto ai que eu quero fazer aqui de Deus quiser.

   Ajudar a difundir o esporte?

   Ajudar a difundir o esporte. Eu gostaria muito de me expandir, sair desta academia, que aqui é uma quadra só, quem sabe pegar um centro esportivo, onde posso ter crianças, adolescente fazendo vôlei, handebol, basquete, natação e o tênis também. A minha intenção é esta.

   Depois do tênis o mountain bike?

   Mountain bike eu sai bem demais. É o esporte de minha paixão, fui campeã mineira, brasileira, sul-america. Fui a 4ª melhor do mundo na época, ganhei torneios nos Estados Unidos. Foi impar também o mountain bike e ai depois veio o meu casamento e hoje eu sou a atual campeã brasileira de triathlon na minha idade, campeã pan-americana e estou ai agora garrada. Eu não sei como vai ser. Se você me perguntar vai me apertar sobre como vai ser o triathlon e o tênis, eu não sei, já que pretendo eu mesma dar aulas aqui, enquanto eu der conta, mas eu acho que largar o triathlon eu não vou largar. Às vezes eu faço uma seleção das principais provas para poder tocar a academia aqui dando aulas de tênis. O importante é eu estar em ativa ai na cidade, competindo e dando chances para alguém competir e praticar esporte.

   E este ano já teve algumas conquistas no triathlon?

   Já. Este ano eu acabei de ser campeã brasileira de cross-triatlhon em Fortaleza, sou a atual bi-campeã. Estou liderando a Copa Sprint de Triathlon, que é o campeonato brasileiro. Tive nos Estados Unidos disputando o campeonato mundial de cross triathlon, fiquei em 13ª do mundo. Foi um super resultado já que os Estados Unidos tinha mais de 700 atletas entre homens e mulheres. Provas duríssimas e estou aí na construção da quadra desde o dia 29 de janeiro, que foi quando eu comecei aqui e estamos ai juntos e se Deus quiser tem outras pra frente e a academia aqui que tem que funcionar e tem que dar certo.

   Quero deixar meus parabéns por todas as suas conquistas no triathlon, no tênis, na vida pessoal, pela conquista de sua academia e também por levar sempre o nome de Araxá a todos os cantos do mundo.

   Eu que te agradeço. Você me estimula demais, me apóia demais através do Jornal Clarim, as publicações. Onde a gente esta estamos sempre juntos e isto ai, pode ter certeza, é uma peça fundamental na vida de qualquer atleta este apoio que recebemos de vocês da mídia. Muito obrigada a vocês.

 



Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia