Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm_banner
980x150
Esgoto corre a céu aberto, forma erosão e põe casas em risco no Morada do Sol
30/05/2011, às 08:59:39

 

   O vereador Márcio de Paula (PR) em emenda ao Plano Diretor Estratégico (PDE) que está sendo revisado, alerta para a gravidade da situação existente na área próxima ao Parque do Cristo. Segundo ele, a falta de saneamento básico leva ao aumento de uma erosão que recebe esgoto in natura e também parte das águas que descem do setor Norte em direção à vertente. O grande buraco faz divisa com algumas casas construídas no bairro Morada do Sol, com o quintal de outras situadas no alto do bairro Santa Rita e ainda com uma área que pertence ao vereador e, por isto, ele vem sendo acusado de legislar em causa própria em decorrência da emenda.   
   A falta de infraestrutura básica numa área central da cidade não constava no Plano Diretor elaborado em 2002 e que prevê as diretrizes para o crescimento urbano da cidade. No entanto, no plano já constava o tratamento de 100% do esgoto sanitário de Araxá, o que não é possível com a existência de vários pontos críticos de falta de saneamento no município, mesmo depois de quase dez anos da primeira aprovação.
   No final de 2002, foi renovado o contrato de concessão dos serviços de água do município com a Copasa e também assinado um novo documento que lhe concedeu ainda os serviços de esgoto sob o compromisso de que estaria 100% tratado a partir de 2006. Então, desde 2003, a taxa cobrada da população pelo serviço de esgoto subiu de 30% para 50% em relação ao consumo de água. Hoje, embora apenas 6% do esgoto do município sejam tratados, a população continua pagando pelo serviço que ainda não foi implantado em relação ao restante da cidade.  Essa data vem sendo sistematicamente adiada e a última informação dada pela Prefeitura de Araxá era de que o tratamento do esgoto estaria operando em 100% pela Copasa, a partir de 2010. O que mais uma vez não ocorreu e não há informações por parte da empresa.
   Márcio é presidente da comissão especial da Câmara Municipal constituída para analisar o projeto de lei do Executivo que revisa o Plano Diretor, elaborado pelo Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável de Araxá (IPDSA), com o apoio da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). O documento recebeu 62 emendas, dentre elas, a de Márcio que estabelece como encosta do Cristo a área que inicia-se no cruzamento da av. Danilo Cunha com a av. Dâmaso Drummond, por onde segue no sentido direito até 50 metros após a escadaria de acesso ao parque.

 

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia