Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm_1
prefeitura_araxa
Um sonho que vai além da disciplina, suor e dedicação
24/09/2012, às 12:10:20

Washington orientando o seu aluno


  Quando somos crianças, imaginamos muitas coisas que podemos ser dentro de nosso universo, imaginação e sonhos. Com Cincumegui Washington não foi diferente, mas foi dificultoso, digamos, a princípio. Se hoje somos internautas providos de iphones, ipads, tablets, notebooks e tudo mais... naquela época as brincadeiras eram outras e, os astros, grandes estrelas das artes marciais e lutas também. Em sua infância, Washington se espelhou em ídolos como Bruce Lee e Chuck Norris, assistia aos filmes e na rua os imitava nas brincadeiras de criança. Hoje, Washington com 39 anos é conhecido na academia “Aqua” como professor de musculação e destaque de fisiculturismo, em Frutal (MG).

   Ele iniciou-se no karaté, aos 14 anos. Das dificuldades e sobre o começo na prática do esporte, ele se lembra: “todos os dias eu ia até a porta da academia, sentava e ficava assistindo os outros alunos treinarem, foram uns três meses assistindo umas três vezes por semana. Até que a dona da academia, cansada (risos), melhor sensibilizada ao me ver, me presenteou com uma bolsa para poder praticar o karaté. Naquela época, eu já me identificava com a luta mas não podia praticar, pois não tinha condições. Depois de conhecer o karaté, não parei mais, sendo este o esporte que nunca abandonei”.

   Dentre muitos esportes e lutas, Washington praticou capoeira, kung-fu, tae-kwon-do e judô. Com 18 anos, ele começou a praticar a musculação, pois se achava muito magro e queria ganhar força, resistência, músculos, para ter mais força nos golpes de karaté. O seu título mais recente foi no fisiculturismo, ele obteve o terceiro lugar de Minas Gerais na categoria acima de 1,80m, em Belo Horizonte. Assim como ele, além do fisiculturismo, na sua casa todos são adeptos ao esporte e uma vida saudável. A sua mulher pratica academia pelo menos três vezes na semana e, o seu filho de 4 anos, já faz pose mostrando os músculos.

   Sobre a musculação, o professor acrescenta: “para ser bem sincero sem saúde você não tem um corpo bonito. Quem pratica esporte sabe que gera saúde, educação, integração, disciplina, ajuda o jovem e o adolescente a integrar-se na sociedade”. Ele destaca que os treinos lhe exigiram sacrifício para estar como é hoje. “Muitos chegam na academia e acham que vão ficar fortes em três meses. Não é bem assim, no meu caso, pratiquei 20 anos de musculação, com alimentação regrada na medida do possível, obtive 35 quilos de massa muscular. Eu pratico fisiculturismo, porque além de gostar  recebo muito incentivo dos amigos, isto me faz  continuar, pois sou o único a participar aqui na região de Frutal”, conta o atleta.

   Washington lembra as empresas que podem valorizar os atletas. “Nosso governo tem um projeto em que toda empresa que patrocina o atleta pode descontar essa despesa no Imposto de Renda. Mas muitas empresas, preferem pagar o Imposto de Renda a investir no atleta”, diz. Ele acrescenta que também falta mais incentivos públicos. “O nosso governo está devendo muito para o esporte, não há investimentos. Uma prova disso são as Olimpíadas, se houvesse mais investimentos com certeza os atletas teriam trazido mais medalhas. Não é esperar um atleta ser campeão para oferecer um bom patrocínio, mas sim fazer dele um campeão e acompanhar seu crescimento até sua vitória”, afirma.

   Ele registra uma citação de Bruce Lee: “A vida é um processo fluente e em alguns lugares do caminho coisas desagradáveis ocorrerão. Podem deixar cicatrizes, mas a vida continua a fluir. É como a água fluente, que ao estagnar-se, torna-se podre; não pare! Continue bravamente... porque cada experiência nos ensina uma lição”.

 

 

 


Washington e a sua transformação dos 18 aos 39 anos

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia