Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm_1
 
Entusiasmo é como esterco para o cérebro
28/09/2012, às 08:36:52

  Pequenas crianças aprendem com muita facilidade porque elas se entusiasmam pelo menos cinquenta vezes durante o dia. Novas conexões nervosas, entretanto, se formam independentemente da idade.

   “Nosso cérebro sempre se adapta novamente à maneira, como e com que objetivo o utilizamos com alegria e entusiasmo”. É o que escreve o pesquisador sobre cérebro, alemão, Gerald Hüther, a respeito do tema “O cérebro não enferruja”.

   Se algo nos deixa felizes, os centros emocionais nas áreas mais profundas do cérebro se ativam. Lá se encontram grupos de células nervosas com longos filetes que atingem todas as outras áreas do cérebro. Dito de forma simples: sempre quando se pode entusiasmar com alguma coisa, espalha-se esterco no cérebro que no estado de entusiasmo faz crescer as redes de neurônios usados intensamente. Pequenas crianças se entusiasmam cinquenta vezes durante o dia, por isso, elas podem aprender também nessa proporção.

   Apenas poucas pessoas conseguem conservar, até a idade madura, sua natural alegria por descobertas e a tendência de formar o seu próprio meio. “Devemos aprender com essas; a essas devemos perguntar como elas conseguiram conectar, no cérebro, a chave para impedir a ferrugem”, diz Hüther.

   Pesquisadores em Göttingen descobriram agora essa chave para a capacidade de aprender. Já no começo da segunda metade da vida ela se esgota. “Uma interação modificada entre o meio e o genoma conduz à perda da capacidade de aprendizado na idade madura”, assim se referem ao assunto os pesquisadores.

   Todavia, Hüther descreve como é possível conservar-se as capacidades mentais em idade madura. Trata-se de atitudes, convicções que desfavorecem o enferrujamento do cérebro. Os conselhos seguintes ajudam a conservar as capacidades mentais:
- Coma menos e pense cuidadosamente sobre aquilo que você está comendo.
- Mova-se mais e explore as possibilidades de reger o seu corpo.
- Entusiasme-se com o colorido e a beleza do mundo.
- Não se permita perder a alegria em matutar, descobrir, aprender e ir além.
- Não se oriente segundo o que os outros acham importante, mas faça aquilo que te deixa bem.
- Não abandone a busca pelo sentido da vida.
- Organize as relações com outras pessoas de tal modo que junto com elas você possa avançar além dos próprios limites.
- Nunca é tarde demais. Novas conexões nervosas se formam totalmente independente da idade, então, qualquer um pode participar, pois a rotina de cada dia nós todos temos.

   Nós podemos e devemos estimular o cérebro por todos os cinco sentidos, melhor até ao mesmo tempo, por exemplo, apalpar, cheirar e degustar. É importante também que se conserve sua motivação e não se resigne. Um conselho muito prático diz: “Comece de manhã, penteie seus cabelos com a mão não costumeira, escove seus dentes com a mão contrária e meta suas pernas na caça em sequência diferente daquela de costume”.

   Original escrito em esperanto (Entuziasmo estas kvaza? sterko por la cerbo) e traduzido por Raimundo de Araújo Chaves, extraído da Esperanta Retradio http://peranto.posterous.com/

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia