Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cabmm
banner_pma_araxa
Antônio Leonardo anuncia novos investimentos da Codemig em Araxá
28/01/2014, às 08:04:12

 

O vice-presidente da Codemig, Antônio Leonardo aproveitou a oportunidade da assinatura da ordem de serviço da modernização da ETE do Barreiro para informar o que está sendo empreendido na cidade através de parcerias entre a Codemig, o deputado Bosco e a Prefeitura de Araxá. “O Bosco é o parlamentar que mais busca a Codemig para ações em todo o Estado, ficamos mais de 20 anos sem deputado estadual e quando a gente vê a sua performance, a sua participação no contexto assembleia, nós dá a segurança de que não estamos órfãos politicamente em relação a nossa representação. É um trabalhador diuturno e a sua participação nessa questão do Barreiro para nós foi decisiva, a partir do momento em que trocamos uma ideia e levamos a proposta para a Codemig poder assentir”, disse. Ele acrescentou que o investimento de R$ 2,8 milhões pela Codemig no trevo do DI também foi uma obra essencial  - “um pleito da Acia junto com a municipalidade”.

O vice-presidente disse que a Codemig está licitando a obra para implantação da Vila do Artesanato no complexo do Barreiro. “Que vai congregar toda a parte gastronômica e de artesãos na região do Barreiro, que será construída entre o antigo posto de gasolina e a rodoviária velha.” Ele acrescentou que também está sendo investido R$ 1,7 milhão na obra de reforma da igreja do Barreiro que já foi praticamente toda recuperada e é tombada pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha). Ele ainda citou que das 150 famílias que moravam no Barreiro sem as devidas condições básicas, faltam apenas 29 para serem indenizadas pela Codemig. “Uma série de fatores levou a essa decisão, a questão ambiental e, às vezes, subumana de sobrevivência. E a gente quer crer que após essas mais de cem consigamos este ano fechar o ciclo das 29 restantes daquelas famílias, para poderem vir para a cidade, terem uma moradia digna, ter acesso a todos os serviços públicos necessários, considerando que o Barreiro é deficiente nessa área.”

Outra obra anunciada por Antônio Leonardo é a construção de um trevo de acesso à Vale Fertilizantes pela av. Geraldo Porfírio Botelho (Araxá\Barreiro). “Há um estudo adiantado junto ao DER para a viabilização do trevo de ligação com a Vale Fertilizantes, um ponto crítico, um gargalo, causa muitos acidentes. Nós temos um  fluxo diário de 250 veículos que vão para a Vale, além de condomínios que já estão sendo construídos. Então, através de uma gestão da Acia, já estamos fazendo os estudos necessários para apresentar um projeto ao DER que possa viabilizar a construção daquele trevo entre Araxá, Barreiro e a empresa.” Ele acrescentou que outra importante decisão da Codemig é a implementação da duplicação da av. José Ananias de Aguiar (do Comboio), no trecho entre o CSU e a avenida Araxá/Barreiro. “Com a construção de uma rotatória próxima a Rádio Imbiara. Nós fizemos durante a nossa gestão como prefeito da Fiat até o CSU e agora a Codemig fez convênio com o DER, recursos já depositados de R$ 8 milhões, que vão permitir a duplicação daquele trecho de acesso ao Barreiro e alguns bairros, é uma via extremamente importante da cidade.” Ele informou que também existe a preocupação de fazer todo o serviço de iluminação pública da avenida. “Até por uma questão de segurança para as pessoas que dependem da variante no acesso para o trabalho ou para algumas cidades, o que buscamos realizar em parceira com o município e eventualmente com outras entidades.”

“Eu estou muito feliz de ver esse uniforme azul aqui presente, fui prefeito de Araxá por oito anos e a Copasa foi muito parceira da nossa administração em todos os sentidos. Há pouco tempo vi uma entrevista de um dirigente da ONU e ele dizia que o gestor público tem medo de fazer aquilo que não dá conta. E disse algumas coisas que o gestor público não gosta de fazer e fiquei feliz quando listou tratamento de esgoto, aterro sanitário e construção de presídio. De forma humilde, eu tomei essas decisões em 2002, com o aval da Câmara de Vereadores, depois de ouvir diversos segmentos da cidade. Naquele momento, tomamos a decisão de quebrar um paradigma, tratar o esgoto da cidade de Araxá. Uma das dez mais importantes cidades de Minas Gerais e uma das mais do Brasil não podia se dar ao luxo de ter esgoto correndo pelas ruas ou desembocando nos nossos mananciais”, mencionou Antônio Leonardo.

Ele acrescentou que naquela tarde de forma muito pontual também estava sendo atacado algo essencial para o turismo sustentável de Araxá. “Não só para quem visita a estância do Barreiro, mas também para os moradores de Araxá. É muito importante saber que numa região extremamente complexa como a bacia do Barreiro, cercada por um polo mineral, tenhamos o cuidado de nos cercar de condições básicas para a manutenção e preservação do meio ambiente”, disse. Antônio Leonardo lembrou que a ETE do Barreiro foi construída em 2001, na gestão do ex-governador Itamar Franco, para suprir uma lacuna. “Mas, foi preciso alguns anos para que nós da Codemig entendêssemos que era preciso uma empresa que tenha know-how, a expertise necessária para poder gerir a operação de tratamento de esgoto, especificamente, a ETE do Barreiro, além das outras cinco que a Copasa já administra na cidade.”

O vice-presidente da Codemig fez especial menção ao diretor Luiz Carlos pela boa vontade em fazer todas as diligências necessárias a efetivação do convênio com a Copasa. Ele citou que a Copasa também vai ter condições de combater o esgoto clandestino que eventualmente é jogado no Lago Norte. “A formação das algas, provavelmente é resultado de nutrientes existentes no lago provenientes de esgoto. Uma estância hidromineral é sustentável e estamos caminhando para isso.”

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia