Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
pma
cabmm
Assassinado por causa de uma lata de leite em pó
15/04/2014, às 09:01:56

 

Raimundo Rodrigues da Silva Santos, 50 anos, foi morto com um golpe de faca no peito durante uma discussão por causa de uma lata de leite Ninho que ele tinha comprado, por volta das 21h30 de domingo, 13, em Santa Juliana.

O Instituto Médico Legal (IML) e a perícia técnica da Polícia Civil de Araxá foram acionados e compareceram numa residência situada na rua José Goulart, bairro Nossa Senhora de Fátima, por volta das 23h50, onde ouviram o relato do sargento Moisés da Policia Militar (PM). Segundo ele, a testemunha MFSN, de 20 anos, disse que ela e Francisco da Silva que é o suspeito de ter cometido o homicídio residem na mesma residência que a vítima. A testemunha contou que os dois homens iniciaram uma discussão do lado de fora da residência por volta das 20h30, por causa da lata de leite Ninho que Raimundo tinha comprado por R$ 20. Ela disse que o suspeito reclamou que a lata estava muito cara e exigiu que a vítima devolvesse o produto e pegasse o dinheiro de volta. Segundo ela, a discussão continuou do lado de dentro da residência, quando Francisco de posse de uma faca desferiu um golpe no tórax de Raimundo e, em seguida, evadiu-se tomando rumo ignorado. Uma equipe médica do hospital de Santa Juliana compareceu ao local, porém a vítima já estava morta.

Enquanto a PM realizava o isolamento do local, outra testemunha informou aos militares que o suspeito estava escondido num lote ao lado da residência da vítima. Então, os deslocaram-se até o local e localizaram Francisco que estava em cima de um pé de manga e ainda de posse da faca. Ao receber a ordem de prisão, Francisco reagiu inclusive tentando atingir os militares com a faca, porém com as técnicas de abordagem foi imobilizado e preso. A faca tipo peixeira de 20 cm de lâmina foi apreendida pela PM. A perícia técnica da Polícia Civil realizou os trabalhos de praxe e, em seguida, o corpo foi removido para o IML de Araxá, onde foi necropsiado e, em seguida, liberado aos familiares para o sepultamento.

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia