Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm (1)
banner_pma
Acidente com morte na MG 452
30/06/2014, às 11:00:47

A Polícia Militar (PM) registrou um acidente com morte por volta das 19h de domingo, 29, próximo a Pedrinópolis, na MG 452 (Uberlândia/Araxá).

 

De acordo com o condutor de um caminhão-trator emplacado em Cascavel (PR) que tracionava um semirreboque emplacado em Xanxere (SC), VM, 51 anos, transitava pela rodovia MG 452 vindo de Bela Vista (GO) em direção à Araxá, quando em determinado momento foi ultrapassado por uma caminhonete GM/S10. Segundo ele, o condutor da S10 retornou à faixa de origem ao final da ultrapassagem e, logo à frente, convergiu à esquerda sem contudo sinalizar esta intenção ou aguardar no acostamento para realizar a manobra. O caminhoneiro disse que o GM/Vectra (placa de Uberlândia) que seguia em sentido contrário acabou colidindo-se na lateral da caminhonete e rodou na pista, atingindo também a lateral da carreta que ele conduzia. O caminhoneiro disse que tentou evitar a colisão desviando-se para a direita e parando no acostamento da via.

 

O condutor do Vectra, MAB, 33 anos, morreu no acidente. De acordo com a passageira do Vectra, de 37 anos, eles seguiam de Perdizes para Santa Juliana em sentido contrário ao da caminhonete que após ultrapassar uma carreta realizou a conversão à esquerda e não foi possível para o condutor desviar-se ou frear. Segundo ela, primeiro o Vectra colidiu na lateral da caminhonete e depois na carreta que seguia imediatamente atrás, vindo a parar na faixa de domínio do Dnit. A adolescente KL, 12 anos, que também era passageira do Vectra foi socorrida junto com a mãe e o padrasto até a Santa Casa de Santa Juliana e, posteriormente, transferida para Uberaba devido à gravidade dos ferimentos. Ela sofreu trauma crânio encefálico e necessitava ser submetida à cirurgia. O condutor da S10, AB, 51 anos, foi encaminhado até a Santa Casa de Perdizes, onde foi mantido em observação devido ao estado emocional em que se encontrava.

 

Após a liberação dos veículos envolvidos, com a normalização do trânsito na rodovia, a PM deslocou-se até a Santa Casa de Perdizes, onde ouviu o condutor da caminhonete. Ele relatou que seguia pela rodovia quando para entrar na estrada vicinal que dá acesso à propriedade rural dele parou à direita da via. Ele disse que aguardou a oportunidade para acessar a estrada e avistou um veículo que vinha em direção contrária à dele, porém acreditou que seria possível realizar a manobra, quando foi atingido na traseira pelo lado direito e parou na faixa de domínio do Dnit. O condutor relatou que a travessia não foi possível porque o veículo em sentido contrário estava em alta velocidade e, por isto, o alcançou antes de entrar na estrada vicinal. Os envolvidos foram socorridos até os hospitais das cidades mais próximas, sendo que MAB morrer ao dar entrada na Santa Casa de Santa Juliana. A passageira do Vectra sofreu escoriações em ambas as pernas e hematoma frontal na cabeça, permanecendo sob observação médica na Santa Casa de Santa Juliana. Uma passageira da S10 não sofreu nenhum ferimento. A perícia esteve no local realizando os trabalhos de praxe e a PM registrou o boletim de ocorrência para os devidos fins.


Condutora acidenta-se ao passar mal
A Polícia Militar (PM) registrou um acidente de trânsito ocorrido após a condutora de um GM/Kadett passar mal na direção, por volta das 9h de quinta-feira, 26, na av. Genusdesa Ávila Trindade, bairro Villa Mayor.

 

No local, a mulher de 30 anos relatou que conduzia o Kadett pela rua e ao passar no entroncamento com a rua Manuel Vaz de São Paulo passou mal na direção, tendo desmaiado por alguns segundos. Um homem de 39 anos que conduzia uma bicicleta e convergiu repentinamente para acessar a av. Genusdesa Ávila Trindade colidiu-se na traseira pelo veículo. O ciclista caiu no chão e foi conduzido por uma guarnição do Corpo de Bombeiros até o Pronto Atendimento Municipal, com escoriações nos joelhos e hematoma no pé direito. Os policiais constataram que a condutora não possuía a Carteira Nacional de Habilitação, sendo conduzida para a Delegacia Regional de Polícia Civil para prestar esclarecimentos.

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia