Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm (1)
banner_pma
Casal é preso por esfaquear suspeito de furto
10/07/2014, às 09:07:40

 

A Polícia Civil (PC) de Araxá conseguiu localizar e prender um casal suspeito de ter tentado matar LOF, 21 anos, com várias facadas. Eles foram abordados e identificados como MRR, 21 anos, e MAL, 25, por volta das 9h de quarta-feira, 9, no bairro Santa Rita. O crime aconteceu por volta da zero hora do dia 29 de junho, domingo, quando a Polícia Militar (PM) compareceu na av. Ananias Teixeira, bairro Orozino Teixeira, onde o Corpo de Bombeiros tinha socorrido a vítima que estava caída na via pública, com várias perfurações pelo corpo. O jovem foi encaminhado para o Pronto Atendimento Municipal (PAM) em estado gravíssimo e continua internado em coma induzido na UTI da Santa Casa de Araxá, com risco de morte.


A Polícia Civil chegou aos suspeitos através de uma denúncia anônima. Em conversa com os investigadores, o casal confessou a autoria do crime, relatando que a vítima teria furtado R$ 30 no interior da residência deles. De acordo com os suspeitos, houve um desentendimento entre eles e, em seguida, a vítima saiu do interior da residência, sendo seguido pela mulher que, ao retornar, disse para o marido que tinha desferido várias facadas nele e que se encontrava caído na rua. O casal relatou que ligou para o Corpo de Bombeiros e, em seguida, foi dormir. O casal está com a prisão preventiva decretada e permanece à disposição da Justiça.

 


Preso por furtar a irmã    
A Polícia Militar (PM) prendeu o suspeito de furtar a irmã dele, por volta das 15h de quarta-feira, 9, na rua Manoel Vaz de São Paulo, bairro Vila Mayor. De acordo com a adolescente, de 17 anos, depois de chegar na residência dela, no dia anterior, percebeu que alguém tinha quebrado um dos vidros e arrombado a porta da cozinha, de onde furtou R$ 25. Ela disse que suspeitava do irmão, de 31 anos, porque seria reincidente nesse tipo de delito e encontrava-se em Araxá. Os policiais localizaram o suspeito, que ao ser indagado sobre o furto respondeu que iria pegar tão somente de quatro a cinco meses de prisão e, assim que fosse solto, a irmã iria ver o que ele faria contra ela. Posteriormente, a adolescente notou o seu notebook também tinha sido furtado e ao tentar falar com o irmão novamente foi ameaçada. Uma mulher de 31 anos disse para a adolescente que no dia anterior, após o jogo do Brasil, ela foi procurada pelo autor que lhe ofereceu um notebook com as mesmas características do furtado. Diante dos fatos, o autor foi preso por furto e ameaça e conduzido para a Delegacia Regional de Polícia.

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia