Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm (1)
banner_pma
Homem morre afogado no Tamanduá
28/07/2014, às 08:53:00

 

O Corpo de Bombeiros Militar (CBM) de Araxá resgatou o corpo de Vanderlei Moreira Dias, de 36 anos, natural de Mantena (MG), que morreu afogado no rio Tamanduá, próximo a Antinha, no município de Perdizes, por volta das 7h de sábado, 26.

 

 

Os bombeiros chegaram na ponte do rio Tamanduá situada numa estrada vicinal por volta das 22h30 de sexta-feira, 25, onde a testemunha Fabio Luiz, 27 anos, relatou os fatos. Segundo ele, por volta das 21h, estava junto com o sogro dele, Juarez Dias Gaspar, 52 anos, Vanderlei e o filho de 9 anos, pescando num remanso localizado abaixo da ponte. Ele disse que quando resolveram ir embora e se deslocavam para guardar as tralhas da pescaria Vanderlei escorregou de um barranco e caiu de uma altura de 3 m, batendo a cabeça nas pedras e, em seguida, caiu dentro do rio. Fabio acrescentou que quando viu a vítima afundando entrou no rio e conseguiu retirá-lo, sendo que em seguida ele e o sogro o sentaram às margens do rio. Ele disse que Vanderlei permaneceu sentado junto com o filho e o sogro dele, enquanto foi guardar umas panelas e mochilas no carro, quando ouviu os dois gritarem pedindo por socorro. A testemunha contou que voltou correndo para o local onde eles estavam e visualizou Vanderlei novamente dentro do rio.

Fabio Luiz disse que ainda tentou retirá-lo novamente do rio, porém desta vez não foi possível porque a vítima afundou rapidamente e não o viu mais, sendo que o local já estava muito escuro. A testemunha informou que Vanderlei fez uso de bebida alcoólica durante o período em que estavam pescando. Fabio afirmou que rapidamente entrou no veículo e procurou um local para fazer um contato telefônico. A guarnição do Corpo de Bombeiros compareceu no local e deram início às buscas nas margens do rio. Porém, os bombeiros depois suspenderam as buscas diante da impossibilidade de continuar o trabalho e retornaram na manhã de sábado, 26. Os militares realizaram as novas buscas, com mergulhos, e o corpo foi localizado próximo ao local da queda na noite anterior, a uma profundidade de 5 m. A vítima, o filho e as testemunhas residiam em Araxá, no bairro Boa Vista. De acordo com familiares, o filho da vítima que presenciou tudo estava muito abalado.

 

 

A perícia técnica da Polícia Civil compareceu no local e realizou o trabalho de praxe, removendo o corpo em seguida para o Instituto Médico Legal (IML), onde seria necropsiado e, em seguida, liberado aos familiares para o velório e sepultamento.

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia