Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm
prefeitura_araxa
SS001023_19274_Brasil-Mais-Competititvo_banner-Sindijori_728x90px_v1 (1)
Catadora de reciclável é roubada
30/09/2014, às 07:51:30

A Polícia Militar (PM) está à procura do autor de um roubo a transeunte registrado por volta das 3h de segunda-feira, 29, na rua Francelino Cardoso, Centro. A vítima de 28 anos disse que caminhava pela rua com um saco contendo latinhas de cerveja vazias, quando foi surpreendida por um homem que a atacou com socos e pontapés. Segundo ela, caiu no chão sentindo muita dor e ficou deitada imóvel por uns instantes, quando o autor roubou dela um aparelho celular e R$ 50 em dinheiro, provenientes da coleta de material reciclável. Ela disse que em seguida o autor fugiu devido aos seus gritos por socorro e a aproximação de pessoas. Momentos antes da solicitação da mulher, os policiais abordaram LA, 26 anos, que possui as mesmas características e estava com as roupas informadas por ela. Ele é conhecido no meio policial como autor de furtos em estabelecimentos comerciais da cidade e estava em atitude suspeita na praça da Igreja Matriz de São Domingos, Centro. Mas como nada de ilícito tinha sido encontrado com o suspeito durante a abordagem policial, ele foi liberado no local. Com as informações da vítima, os policiais foram em busca de LA, porém ele não foi localizado.

 


Atropelamento no Centro
A Polícia Militar (PM) registrou o atropelamento da jovem GS, 21 anos, por volta das 18h de segunda-feira, 29, quando estava sendo atendida no Pronto Atendimento Municipal (PAM). De acordo com as informações colhidas pelos policiais, a jovem estava trabalhando como agente de campanha eleitoral na esquina das ruas Capitão José Porfírio e Carvalho Lopes, Centro, onde em determinado momento parou sobre a faixa de canalização para aguardar o fluxo de trânsito, quando um Peugeot 206 veio pela rua Carvalho Lopes e avançou sobre a faixa, lhe atropelando. O médico constatou lesões leves na vítima que foi liberada após ser medicada. De acordo com informações de testemunhas, a condutora do veículo, EL, 37 anos, a princípio permaneceu no local e providenciou a assistência para a vítima. Mas, assim que o Corpo de Bombeiros saiu do local, ela contatou o pai dela de 72 anos que compareceu no local do acidente e assumiu a direção do veículo, fugindo do local em seguida em direção ignorada. A condutora após algum tempo se apresentou no PAM, quando os policiais verificaram através do sistema informatizado que ela não possui a Carteira Nacional de Habilitação e nem a permissão para conduzir veículos. O veículo conduzido também não estava devidamente licenciado. Diante o exposto, a mulher recebeu a voz de prisão em flagrante delito. Os policiais tentaram localizar o pai da autora, porém não obtiveram êxito. Diante dos fatos, a autora foi encaminhada para a Delegacia Regional de Polícia Civil.



Menor apreendido no Cerad tenta fugir     
A Polícia Militar (PM) registrou uma tentativa de fuga de um dos internos do Centro de Reeducação do Adolescente (Cerad), no momento em que ele realizava exames médicos. Os policiais compareceram na Santa Casa de Misericórdia por volta do meio dia de segunda-feira, 29, onde um agente sócio-educativo de 56 anos disse que junto com um colega foram levar um interno do Cerad de 16 anos para ser medicado no hospital, porque alegou que estava sentindo dores nos rins. No entanto, no momento em que o menor foi fazer a coleta de urina para a realização de exames, ele fugiu por uma abertura existente em cima do banheiro. Momentos após a fuga, os agentes conseguiram recapturar o menor que foi levado de volta para a Santa Casa, onde foi medicado e reconduzido para o Cerad. Os policiais registraram os fatos para as providências cabíveis. 

 


Mãe diz que filho quis atear fogo na casa
A Polícia Militar (PM) prendeu uma mulher de 47 anos e o filho dela de 18 que se desentenderam por volta do meio dia de segunda-feira, 29, na rua Ana Pinto di Mambro, bairro Max Neumann. De acordo com a mulher, o filho queria atear fogo em sua residência. Ao chegarem no local, os policiais depararam-se com um jovem que estava correndo e o abordaram na rua Eugélia de Ávila Ribeiro. Ele disse que saiu de casa de manhã e ao retornar começou uma discussão com mãe dele porque ela o chamou de “noiado” e não quer que ele more mais em sua residência. O jovem disse que a mãe pegou um cinzeiro e ameaçou arremessá-lo contra ele. A mãe confirmou a versão narrada pelo filho e disse que realmente não quer que ele resida mais em sua casa porque constantemente está drogado. Segundo ela, ele fica a noite toda na rua usando drogas e dormindo durante o dia. Ela disse que pegou o cinzeiro para se defender porque o filho caminhou na direção dela e temeu ser agredida, sendo que ele ainda disse que iria colocar fogo na casa. Devido aos fatos, mãe e filho foram conduzidos presos para a Delegacia Regional de Polícia Civil.



Usuário é ameaçado por dívida de drogas
A Polícia Militar (PM) prendeu RB, 20 anos, por ameaçar um usuário de drogas que lhe devia, por volta das 17h de segunda-feira, 29, na rua José Antônio Barbosa, bairro São Domingos. De acordo com o jovem de 26 anos que fez a denúncia via 190, o traficante de drogas estava na porta da residência dele com um podão na mão, proferindo-lhe ameaças de morte caso não lhe pagasse R$ 200. A vítima disse que é dependente e que não devia os R$ 200 para o autor, porque tinha comprado apenas sete pedras de crack naquele dia, na av. João Paulo I, quando lhe pagou R$ 70 pela droga. Os policiais foram até o endereço da vítima e viram o autor das ameaças que já é conhecido no meio policial por traficar drogas, cometer assaltos e furtos. Ao ver a viatura, o autor jogou o podão no chão. Nada de ilícito foi encontrado com o autor, porém ele não soube dizer por que estava em frente à casa da vítima. Posteriormente, RB disse que estava no local porque vendeu crack para a vítima que não tinha lhe pagado pela droga. Diante dos fatos, o autor foi preso e encaminhado para a Delegacia Regional de Polícia Civil.

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia