Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
Secretaria de Desenvolvimento Econômico incentiva as micro e pequenas empresas
02/03/2015, às 07:35:26

A doação de áreas através de processo licitatório com contrapartida das empresas para a comunidade, capacitação de mão de obra e apoio às novas ideias fazem parte da política de incentivo às micro e pequena empresas estabelecida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Parcerias (Sedep). “Há uma preocupação muito grande em não deixar que esse sentimento de que as coisas não vão acontecer no Brasil passe para a cidade. Então, eu acredito que essa retomada da administração municipal a partir de novembro, com a volta do prefeito Aracely de Paula, foi um grau de esperança de que as coisas em Araxá vão acontecer. E isto foi bom para nós, porque as pessoas têm vindo até a secretaria, se mostrado interessadas em investir e nós logicamente estamos acompanhando esse processo”, afirma o secretário, Leandro Haddad.

 

Segundo ele, há uma preocupação em manter a performance empresarial de Araxá que se difere da conjuntura brasileira considerada em crise, principalmente em relação às cidades vizinhas. Leandro acrescenta que uma das formas de apoiar a economia local é a realização de licitações para a doação de áreas às empresas pelo município, visando o desenvolvimento de negócios. Ele informa que o município possui algumas áreas para serem repassadas aos micro e pequenos empresários e inclusive conseguiu reaver algumas que foram devolvidas porque não foram cumpridos prazos previstos como o de dois anos para construir, dentre outros motivos. “Também em função dessa colocação do Ministério Público (MP) de que as empresas tinham feito algo ilegal, o que dá uma sensação muito ruim aos empresários e muitos por vontade própria decidiram abrir mão dos terrenos. Nós recebemos oito ou nove documentos de empresários devolvendo a área para a prefeitura e dizendo que não sabiam que estavam envolvidos num processo desse e que querem entrar pela porta da frente, que é participar do processo de licitação e com o ônus da contrapartida de poder ajudar a comunidade”, explica.


> DETALHES NA EDIÇÃO IMPRESSA DESTA SEMANA DO JORNAL CLARIM

 

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia