Notícias de Araxá e região!

Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm (1)
banner_pma
Entorno do GH mais uma vez inundado diante do descaso do governo do Estado
24/03/2015, às 08:12:44

Inaceitável descaso
O descaso do governo do Estado com a Estância Hidromineral do Barreiro ficou refletido nas águas que inundaram mais uma vez o entorno do Grande Hotel nesta terça-feira, 24. A área está sob a responsabilidade da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), cuja arrecadação permite ao governo estadual fazer investimentos como a construção da Cidade Administrativa, em BH. No entanto, apesar de ser responsável por uns 90% dessa arrecadação em função da mineração e de abrigar a estância hidromineral que pertence ao Estado, Araxá continua de chapéu na mão. Em tempo, o governo estadual também recebe os royalties pelo arrendamento do Grande Hotel. Abaixo a foto reproduzida do Facebook de Janaína Radispiel.

 

 

Por água abaixo
A Rede Tauá de Hotéis prepara a segunda edição do Páscoa Iluminada que começa no próximo dia 2, com um investimento de mais de R$ 1 milhão. O objetivo é fazer de Araxá um destino nacional de Páscoa. No entanto, como a programação acontece na área externa do complexo do Barreiro, todo esse esforço pode ir por água abaixo de providências urgentes não foram tomadas. Na coluna “Ana Paula Machado”, foi feito o seguinte registro logo após a realização da primeira edição, em abril de 2014: “Quem sabe, na próxima edição do Páscoa Iluminada os ares no complexo do Barreiro já estejam sendo renovados com a execução do projeto apresentado pela Codemig de implantação da Vila do Artesanato, onde hoje estão os antigos terminal rodoviário e posto de combustível, para oferecer um mínimo de infraestrutura turística adequada. O complexo do Barreiro precisa desse incremento aguardado há muitos anos, desde a reabertura do Grande Hotel. Assim como, de uma melhor manutenção de todo o espaço, como a destinação de uma área fechada para os animais e, até quem sabe, não só com passeios, mas também aulas de montaria, como vemos em alguns resorts do país”. No entanto, ao invés do esperado incremento, a Rede Tauá terá que lidar com esse problema para receber bem durante o Páscoa Iluminada. Abaixo, fotos do Facebook de Mario Lucio Mantovani que também registrou a inundação do Barreiro nesta terça-feira, 24.

 

 

 

 


O editorial publicado na edição 953 do Jornal Clarim, em janeiro de 2015, informa sobre o adiamento da construção da Vila do Artesanato pelo atual governo do Estado, sem data para as providências serem retomadas: “Então, com a mudança do governo estadual que agora é comandado pelo PT, houve uma centelha de esperança de que esse relacionamento poderia se fazer mais justo, com Araxá sendo reconhecida pela Codemig em decorrência da sua vital importância na obtenção dos recursos que dispõe para fazer investimentos. Mas, além de perder a vice-presidência da estatal, mesmo que fosse mais figurativa do que efetiva, a cidade depara-se com a publicação legal da Codemig no jornal O Tempo, de Belo Horizonte, edição do último sábado, 17, onde a Comissão Permanente de Licitação informa que fica adiada “sine die” (sem data fixa) a concorrência 06/2014 para a construção da Vila do Artesanato na região do Barreiro, revindicada no decorrer desses últimos 12 anos e cujo projeto finalmente foi apresentado à comunidade no ano passado. No entanto, a mesma publicação informa sobre a abertura das licitações pela Codemig para a restauração de luminárias do Cassino de Lambari que está sendo transformado em Museu das Águas e para a elaboração dos projetos para reforma e revitalização do Palace Hotel de Poços de Caldas. Mais uma vez, agora sob o governo petista, a estatal sequer preocupou-se em dar alguma satisfação à comunidade araxaense que continua com o chapéu na mão.”

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia