Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm
banner_pma]  
Prefeitura prepara Plano de Carreira
25/05/2015, às 09:08:13

 

A procuradora Geral do município, Cidinha Rios, informa que a situação do funcionalismo público municipal só será regularizada com a elaboração do novo Plano de Carreira que já está em andamento e deve ser concluído o mais breve possível. Segundo ela, apesar das grandes distorções existentes no quadro de pessoal, já houve alguns avanços com a recomposição salarial concedida pelo prefeito Aracely de Paula para este mês. “Foi dado o que foi possível agora, mesmo porque está sendo trabalhado pela equipe da prefeitura e consultores um novo Plano de Carreira que é onde a gente espera corrigir a carreira que é o grande problema do servidor”, afirma.  



De acordo com a procuradora, o Plano de Carreira existente é “completamente obsoleto e impraticável”. Segundo ela, dos níveis 1 ao 11, todos os servidores já estão ganhando salário mínimo, porque houve o achatamento das carreiras por falta das recomposições anuais. Cidinha acrescenta que nesse tempo foram dadas vantagens que eventualmente beneficiaram uma ou outra categoria, visando melhorar um pouco a situação dos servidores, porém não são consideradas como salário. “A gente entende que todas as questões serão corrigidas com o Plano de Carreira que já está sendo feito. Agora, é muito complexo, porque temos inúmeras leis municipais que tratam de remuneração e servidor. E isto tem que ser revisto, porque essas coisas todas precisam ir para o salário base do servidor, porque na hora que ele aposentar vai ter uma aposentadoria realmente dentro daquilo que ganhava na ativa”, esclarece.


Cidinha diz que para a concessão do reajuste anunciado este mês, em torno de 5 mil pessoas dentre servidores ativos e inativos receberam de alguma forma a atenção do governo dentro desse estudo. “E é claro que, às vezes, podemos ter alguma coisa para corrigir, mas são casos pontuais e que vão ser olhados também com atenção”, completa. Segundo ela, a atual administração tem enfrentado com muita coragem essa questão, o que ficou demonstrado com as propostas de reajustes aprovadas pela Câmara Municipal e que vão incidir nos salários de maio. “Uma classe que já tem um histórico de descrença no governante, na administração, porque ficou muito tempo sem uma valorização e, às vezes, sendo culpada pelos problemas da máquina pública. E não é isso, é a falta de motivação mesmo. O servidor público é a mola propulsora da administração, porque o agente político passa e o efetivo é que fica e sabe gerir e tocar a máquina e precisa mesmo ser valorizado”, afirma.



>> Leia mais na edição impressa do Clarim desta semana

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia