Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu

Digite pelo menos 2 caracteres!
cbmm
banner_pma]  
No aguardo - Ana Paula Machado
29/06/2015, às 07:53:10

 

O prefeito Aracely de Paula acompanhado da equipe de governo e alguns vereadores estiveram no conjunto habitacional Pão de Açúcar 4, a convite da empreiteira Castroviejo, executado dentro do programa do governo federal “Minha Casa, Minha Vida”. Segundo ele, a obra tem gerado uma grande expectativa nas mais de 3,3 mil pessoas que se inscreveram para participar do sorteio das 500 moradias, previsto a princípio para setembro próximo. “Estamos tomando conhecimento hoje e esperamos que a empresa conclua a obra para que a gente possa depois fazer uma avaliação definitiva a respeito daquilo que estamos vendo. O local é agradável, bonito, agora vamos ver quanto à qualidade daquilo que foi contratado, se realmente corresponde a tudo que é de interesse da prefeitura e dos mutuários”, diz. Aracely informa que os corpos técnico e jurídico da prefeitura vão estudar quais foram as obrigações contratadas, para saber se realmente a prefeitura tem alguma coisa a exigir ou se estão satisfeitas as obrigações comprometidas. “Não podemos admitir que um conjunto desse tamanho não tenha sua escola, creche, sua unidade de saúde, um local de entretenimento e também o seu esquema de segurança. Evidentemente, que alguns desses equipamentos são de obrigação da prefeitura, mas aqueles que não são realmente têm que ser repassados através das empresas contratantes.”

Gato escaldado
A preocupação do prefeito Aracely quanto aos conjuntos habitacionais é muito pertinente, a exemplo do Max Neumann que acabou gerando um problema social porque foi entregue sem a estrutura necessária de educação e saúde para atendimento às 500 famílias, o que criou um ônus que só agora está sendo corrigido. “Infelizmente, eu acho que houve muitas falhas ali e a população não pode ser penalizada por aquilo. Estamos trabalhando lá para que realmente se complemente aquilo que não foi exigido e feito. Agora, não vamos permitir que nos loteamentos novos que a prefeitura irá receber se repitam, não sendo obrigação dela, os mesmos problemas.”

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Tecnologia